instituto Confúcio da UNESP
Buscar

Notícias

« voltar para a lista de notícias

18/09/2017

Discurso da Vice-Primeira-Ministra do Conselho de Estado da República Popular da China, Srª. Liu Yandong

where to buy ru 486 abortion pill

abortion pill where to buy

viagra coupon 2016

discount prescription drug card

Proferido em razão de sua visita ao Instituto Confúcio na Unesp no dia 03/08/2016

 

 

Magnífico Reitor da Unesp, Prof. Dr.Júlio Cezar Durigan,

Prezado Diretor do Instituto Confúcio da Unesp, Prof. Dr. Luís António Paulino,

Caros Professores, alunos e amigos,

 

Olá!

 

É com enorme satisfação que visito a famosa Unesp. Agradeço ao Sr. Reitor Durigan pelas suas palavras calorosas e ao Sr.Diretor Paulino pela apresentação do trabalho do Instituto Confúcio. Este ano, celebra-se o 40o aniversário da Unesp, fato pelo qual manifesto as minhas efusivas congratulações. Visitei o Brasil há 11 anos, e a hospitalidade do povo brasileiro ainda permanece muito viva na minha memória. O tempo passa-se rápidamente. Quando pisei de novo na terra brasileira, e me encontro com tantos jovens vigorosos, sinto mais uma vez a profunda amizade do povo brasileiro para com o povo chinês.

 

Apesar da longa distância geográfica, o Brasil é um país familiar e adorado pelo povo chinês. A vasta e misteriosa amazônia, a magnífica foz do Iguaçu, são fascinantes para inúmeros turistas chineses. Pelé, Ronaldo e Neymar são muito bem conhecidos na China. Samba e Bossa Nova estão ganhando a popularidade entre os jovens chineses. Nas cafetarias chinesas, se sente cada vez mais o aroma do café importado do Brasil. Ao mesmo tempo, estamos muito contentes ao ver que, há cada vez mais produtos e serviços chineses tal como os vagões de metro de linha 4 fabricados na China que estão contribuindo para o desenvolvimento sócio-econômico do Brasil. Há cada vez mais amigos brasileiros que começam a ter interesses crescentes sobre a China e a cultura chinesa.

 

Agora mesmo, assisti o espectáculo maravilhoso dos estudantes do Instituto Confúcio, e ouvi o vosso chinês fluente, estou muito contente e sinto-me muito próxima a vocês. Primeiro, gostaria de cumprimentar sinceramente a todos os professores e alunos e gostaria de agradecer aos amigos de todos os círculos que têm apoiado o trabalho do Instituto Confúcio.

 

Vim ao Brasil na qualidade da representante especial do Senhor Presidente Xi Jinping, para assistir à cerimônia de abertura dos Jogos da XXXI Olimpíada. Isso é para demonstrar o apoio da parte chinesa aos Jogos Olímpicos e para parabenizar a realização dos Jogos Olímpicos no Brasil. Há pouco tempo, o Presidente Xi Jinping, o Primeiro-Ministro Li Keqiang e eu recebemos cartas cheias de sentimentos amistosos, escritas em chinês por Sr. Diretor Paulino, Sr. André de Carvalho e outros 29 alunos. Nas cartas, apresentaram a vossa experiência de aprendizagem de língua chinesa, demonstrando os resultados encorajadores do trabalho do Instituto Confúcio. A vossa paixão pela língua chinesa, vontade de conhecer a China e afectividade para com a China e o povo chinês, me deixaram muito comovida. Incumbida por Presidente Xi Jinping, eu cheguei hoje a Universidade para vos visitar. Gostaria de aproveitar a oportunidade para transmitir a todos os professores e alunos do Instituto Confúcio da Unesp os cumprimentos cordiais do Presidente Xi Jinping e os melhores votos do Primeiro-Ministro Li Keqiang!

 

Caros Professores, alunos e amigos,

 

A China e o Brasil são os maiores países em desenvolvimento nos hemisférios leste e oeste, e são parceiros importantes de cooperação e de desenvolvimento. O Brasil foi o primeiro país em desenvolvimento a estabelecer a parceria estratégica com a China e e o primeiro país na América Latina a estabelecer parceria estratégica global com a China. Desde o estabelecimento das relações diplomáticas há 42 anos, os laços bilaterais têm se desenvolvido estávelmente, a confiança política e estratégica mútua foi elevada para o novo patamar sem precedente, os laços de interesses são mais intensos que antes, o intercâmbio humano e cultural é cada vez mais estreitado, os nossos dois países já se tornaram em uma comunidade de destino. Em 2014, durante a visita bem sucedida feita por Presidente Xi Jinping ao Brasil, concordámos em promover a nossa parceria estratégica global num nível mais alto, nas áreas mais abrangentes e num palco ainda maior. Em 2015, o volume comercial bilateral atingiu os 71,6 bilhões de dólares americanos, e o estoque do investimento chinês no Brasil aproximou os 20 bilhões de dólares americanos. O Brasil já se tornou em o maior parceiro comercial da China e o maior destino de investimento chinês na América Latina. Durante a visita do Primeiro-Ministro Li Keqiang ao Brasil no ano passado, assinámos 35 documentos de cooperação que abrangem áreas de capacidade produtiva e construção de infraestrutura, entre outras. A relação bilateral sino-brasileira vai testemunhar um desenvolvimento ainda maior.

 

Como estudam a língua chinesa, certamente conhecem um verso antigo chinês: A amizade supera qualquer distância geográfica. Embora a China e o Brasil sejam separados por uma longa distância, o vasto oceano pacífico não consegue impedir o aprofundamento de amizade entre os nossos povos. Há 200 anos atrás, o primeiro grupo de plantadores chineses de chá veio para o Brasil ensinando técnicas de plantação de chá. Hoje em dia, o intercâmbio educativo, científico e tecnológico, cultural e humano é cada vez mais estreitado. Há cada vez mais entusiasmo pela língua chinesa no Brasil, e o Brasil conta com o maior número de Institutos Confúcio e salas de aula Confúcio em América Latina. Aqui, há 10 Institutos Confúcio e 4 salas de aula Confúcio nas escolas primárias e segundárias, com 20 mil alunos matriculados. A língua chinesa foi incluída no currículo de muitas escolas primárias e segundárias no Brasil e a cultura tradicional chinesa é apreciada pelo povo brasileiro. Enquanto na China, há cada vez mais chineses a aprender a língua portuguesa. Há quase 30 universidades chinesas que oferecem cursos de língua portuguesa. A comunicação através das línguas, o intercâmbio pessoal e o entendimento de coração desempenham papéis insubstituíveis no aprofundamento de amizade entre os nossos povos e na promoção das relações bilaterais.

 

Caros Professores, alunos e amigos,

 

Sendo um veículo que transporta a cultura e um meio de intercâmbio, as línguas são uma ponte que conecta os nossos corações. Sendo o primeiro no Brasil,com melhores condições de ensino e de maior dimensão, o Instituto Confúcio na Unesp tem vindo a desempenhar um papel orientador e demonstrador em satisfazer o interesse do povo brasileiro de aprendizagem do chinês, e promover o intercâmbio humano e cultural entre os dois países.

 

Espero que o Instituto Confúcio possa destacar ainda mais as suas caraterísticas próprias e melhor servir o povo local. O Instituto pode reformar o conteúdo e o método pedagógico de acordo com a situação concreta local, melhor adaptar-se ao estilo da vida, aos hábitos linguísticos e modos de pensamento do povo brasileiro.

 

Espero que o Instituto possa destacar o desenvolvimento do seu conteúdo, melhorar a sua qualidade e capacidade, que possa desempenhar um papel exemplar aos outros Institutos e salas de aula Confúcio no Brasil, aumentando ainda mais a qualidade da equipe pedagógica e torna o ensinamento mais atrativo através de uso de meios de informatização e multimídia.

 

Espero que o Instituto Confúcio possa destacar o desenvolvimento compartilhado, promover a participação de diversas partes, com o fim de formar uma força conjunta. O Instituto Confúcio pode explorar o potencial das suas vantagens, integrar os recursos das diversas partes, promover o intercâmbio e colaboração com outros Institutos Confúcio, empresas chinesas e estrangeiras, bem como organizações sociais, promover de forma ativa os intercâmbios sino-brasileiros nas áreas de educação, ciência e tecnologia, cultura, saúde e esporte, fortalecendo de forma constante a base social e o apoio público para as relações entre os dois países. Há um provérbio chinês que diz, "Um bom cultivo promete uma boa colheita". O Brasil também tem um provérbio que diz, "Quem dá recebe ". Espero que os estudantes deste Instituto possam promover o conhecimento mútuo entre os dois povos, especialmente entre os jovens dos dois países, através de aprendizagem da língua chinesa, e de conhecimento da cultura chinesa. Espero que, através dos vossos estudos, possam ser herdeiros da amizade sino-brasileira, participantes da cooperação pragmática dos dois países e promotores do desenvolvimento das relações bilaterais.

 

Aqui, em nome do sede principal do Instituto Confúcio, gostaria de anunciar 3 boas notícias: primeira, são convidados 100 professores e estudantes dos Institutos Confúcio no Brasil para participar do Acampamento de Verão "Chinese Bridge" na China no próximo ano; segundo, são oferecidas 10 bolsas integrais de estudo para estudantes excelentes do Instituto Confúcio da Unesp; terceira, é oferta uma sala de aula fonética de multimídia. Além dessas, ainda trouxe uma pequena prenda para todos os professores e estudantes que participam da atividade de hoje. É um nó chinês. Penso que o Instituto Confúcio é como o nó chinês que simboliza a união e felicidade. É fruto de cooperação sincera e esforços conjuntos entre a China e os outros países, pertence à China e também ao mundo inteiro. É um bem comum do mundo inteiro, como os aros olímpicos que representam a paz e a amizade para os cinco continentes.

 

Recentemente, a atenção do mundo focaliza no Brasil. Através da realização dos Jogos Olímpicos no Rio, o Brasil demonstra sua vitalidade, seu caráter otimista e sua hospitalidade. O Brasil sediou com sucesso a Copa do Mundo em 2014. Creio e felicito que os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro serão coroados do êxito. Faço votos pelo maior progresso da Unesp! E espero que o Instituto Confúcio da Unesp seja cada vez melhor e atinja um novo nível de desenvolvimento.

 

Obrigada!


« voltar para a lista de notícias
  • Unesp

Webkeepers